Blog
Voltar ao Blog
Fevereiro 25, 2016

O que é o ‘óleoturismo’?

Alguma vez você já pensou em passar um dia rodeado de oliveiras, vendo como se fabrica o azeite ou conhecendo algumas variedades de azeitona? Então, você está preparado para o óleoturismo. O turismo do azeite pretende dar a conhecer todas as características, qualidades e diferentes processos de elaboração de um produto tão saudável como o Azeite de Oliva. A Espanha é o principal destino deste tipo de turismo, pois é o maior olivar do mundo!

Muitas pessoas já estão curtindo esse novo tipo de turismo. Cerca de 60% dos óleoturistas costumam ser espanhóis, mas também podemos encontrar turistas ingleses e franceses muito interessados nos Azeites de Oliva da Espanha. Segundo o estudo da Faculdade de Ciências Econômicas e Empresariais de Córdoba, o perfil médio do óleoturista consiste em pessoas que vivem em cidades, com idades superiores a 45 anos e com um nível de rendimentos médio/alto, embora este tipo de turismo também seja bastante familiar.

Estas visitas ocorrem majoritariamente na Andaluzia, ao sul da Península Ibérica, e nas zonas costeiras do mar Mediterrâneo, zonas onde a produção dos Azeites de Oliva da Espanha está concentrada em boa parte. Ali, é possível explicar a história deste produto, percorrendo as terras repletas de oliveiras, os moinhos de pedra (mós ou galgas) onde se fabrica este esse nobre produto e os restaurantes onde o Azeite é o carro chefe.

As visitas incluem degustações das variedades de Azeite de Oliva (certamente iremos nos surpreender com a enorme quantidade de nuances!) ou com massagens e tratamentos de beleza. Entre eles, podemos destacar as máscaras para a pele elaboradas com azeite e mel, uma mistura de ovo e Azeite que vai proporcionar muito brilho para seu cabelo ou as massagens que favorecem a hidratação da pele. Assim, além de passar um dia maravilhoso no campo, os visitantes terminam o dia mais bonitos!

Aproximar-se a uma das zonas produtoras do país e desfrutar, por exemplo, da antiga rota do Reino de Granada, da Serra de Cazorla ou da rota do Moinho de Zafra é um prazer para os sentidos. Você vai ter a oportunidade de conhecer o local onde se fabrica o azeite, a história e a magia escondida nesses lugares únicos.

Além disso, os preços são muito acessíveis, oscilando entre 2 e 40 ou 50 euros, dependendo do número de pessoas e das atividades realizadas (se for uma visita guiada, se o café da manhã ou almoço estiverem incluídos, se for organizado um piquenique ou lanchinho no campo ou se você decidir se aventurar e for trabalhar como um autêntico «aceitunero» por um dia…). Por todas essas razões, o mais aconselhável é realizar essas visitas durante os meses de dezembro e janeiro, coincidindo com a colheita da azeitona.
O que você está esperando para viver essa experiência única?

0 Comentários

Entradas relacionadas

Como elaboramos o melhor azeite do mundo?

03May | 18 Como elaboramos o melhor azeite do mundo?
Como se obtém o Azeite de Oliva? Que processo se segue para conseguir que tenha o melhor sabor? A qualidade deste produto começa...

Um pedacinho de prazer espanhol: Torrijas de Semana Santa

20Mar | 18 Um pedacinho de prazer espanhol: Torrijas de Semana Santa
Douradas por fora e tenras por dentro. Estamos falando de uma receita deliciosa de origem espanhola e muito apropriada para esta época:...

A febre da ‘’tapa’’

19Feb | 18 A febre da ‘’tapa’’
É a rainha das festas, a princesa do aperitivo e a patrona de qualquer bar espanhol. Uma das embaixadoras mais importantes da...

Eu li e aceito as políticas de privacidade.

Verifique os campos

Subscreva a nossa Newsletter

Inscreva-se se você quiser receber mais informações de Azeites da Espanha